quinta-feira, 31 de março de 2016

Uma pequena experiencia caseira - tabaco Cândido Giovanella aromatizado com baunilha!


Prezados amigos, atualmente devido a uma resolução da Anvisa, nossos tabacos não podem serem mais aromatizados, em razão disso, a empresa Giovanella não tem mais seus sabores como cereja, pêssego, etc, restando apenas o Autêntico, ou seja, um tabaco sem aromatização!

Como tínhamos comprado uma fava de baunilha e o pote em que ela veio estava absurdamente aromatizada devido a fava, resolvi colocar esse tabaco neutro dentro do pote e esperar por cerca de um mês, para ver o resultado.



Caso a experiência  me agrade, irei fazer mais concentrado,  com a própria fava de baunilha! :)

Assim que experimentar conto os detalhes aqui!

Um abraço e excelentes cachimbadas!!!


6 comentários:

  1. Já o fiz e funciona, principalmente se cortar a vagem de baunilha no sentido longitudinal. :-)

    Cardona

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse confrade Cardona sempre muito experiente!!! :) Ficou gostoso? Penso que o fato de ser natural o aroma da baunilha privilegie ainda mais o sabor no tabaco! estou certo?

      Excluir
  2. Respostas
    1. Eu tb!!! Quero deixar passar esse mês e vou abrir!!! :)))

      Excluir
  3. Pra mim o Cândido Giovanela Pêssego era um dos melhores. Recentemente, experimentei o sabor capuccino do Paromas e é uma loucura de tão bom.

    ResponderExcluir
  4. Uso essa técnica, com uma pequena modificação, para aromatizar os rapés que faço. Funciona muito bem pois o tabaco absorve os aromas com muita facilidade. Quanto mais tempo de exposição, mais intenso o aroma final.

    ResponderExcluir

Gostou do post? Acenda seu cachimbo e comente